Com inauguração da ETE problema de odor no Egídio Ribeiro é solucionado

0
518
Vista aérea da estação de tratamento

Assessoria de Imprensa

O prefeito Maurílio Ferreira Azambuja esteve participando, nesta quarta feira (16), da entrega da obra da Estação de Tratamento de Esgoto de Maracaju, construída com recursos da Fundação Nacional de Saúde e Governo do Estado, totalizando R$ 8,6 milhões.

Prefeito Maurílio esteve, juntamente com Governador Reinaldo Azambuja, secretário estadual de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, do diretor-presidente da Sanesul, Luiz Carlos da Rocha, Superintendente da FUNASA Marco Aurélio Santullo e autoridades locais, descerrando a placa inaugural.

Visita das autoridades na inauguração

De 2015 a 2018 foram investidos mais de R$ 28 milhões sem saneamento básico no município, proporcionando ampliação e modernização dos sistemas de captação e distribuição de água e esgoto e melhoria dos serviços à população.

Desse total, R$ 12 milhões referem-se a obras em execução, dentre as quais dois reservatórios metálicos com capacidade total de 2.000 m³, 45.035 metros de rede coletora de esgoto, 2.346 ligações domiciliares de esgoto, duas estações elevatórias de água tratada e um poço tubular com 280 metros e vazão de 225 m³/h.

A nova Estação de Tratamento de Esgoto tem capacidade de 50 litros por segundo e conta com duas elevatórias, 2.042 metros de linha de recalque, 2.817 metros de coletor e 216 metros de emissão final. O superintende da FUNASA Marco Aurélio Santullo mencionou , em seu discurso, que a Estação é um modelo de gestão que será utilizado em todo Brasil, ” quando estive reunido com Ministros Mandetta e Tereza Cristina e do próprio Presidente Jair Bolsonaro foi mencionado que a forma e procedimento serão parâmetros em obras vindouras”. relatou

Concluída em dezembro do ano passado, a obra foi executada para atender a legislação, que exige uma projeção mais atual, tecnológica e melhor localizada. A Sanesul desativará a antiga estação, que está inadequada e sem condições de atender a população de Maracaju.

De acordo com o Prefeito Maurílio a obra vem de encontro com antigo anseio da população de Maracaju, “ principalmente da região do conjunto Egídio Ribeiro, que tem que conviver com odor indesejável que a estação de tratamento tem em determinado período de uso, hoje foi solucionado o problema, com toda certeza, a comunidade local estará sendo beneficiada com a ida da Estação de Tratamento de Esgoto para a região rural no entorno da cidade”