Embrapa terá participação intensa na Expoagro

0
240

Christiane Congro

A Embrapa Agropecuária Oeste (Dourados/MS) e outras duas Unidades da instituição participam da programação técnica da 54ª Expoagro, que acontecerá de 11 a 20 de maio, no Parque de Exposições João Humberto de Carvalho, em Dourados. Pesquisadores e analistas da Embrapa estarão presentes em quatro atividades distintas que serão realizadas ao longo do evento ministrando palestras, capacitações e/ou participando de debates sobre diversos temas.

 

Uma dessas participações acontece na segunda-feira, 14 de maio, no Simpósio de Agricultura, realizado pelo Grupo Plantio na Palha (GPP), no Auditório do Parque de Exposições, das 7h às 16h30. Nesse Simpósio, além de palestrantes de outras instituições, participam o analista da Embrapa Agropecuária Oeste Gessi Ceccon, que vai falar sobre o consórcio milho-braquiária; o pesquisador Júlio Cesar Salton, que vai abordar o tema “Indicadores de qualidade do solo em sistemas de produção” e o pesquisador Crébio José Avila, que vai falar sobre o Manejo integrado de pragas na sucessão soja e milho safrinha. Além dos profissionais da Embrapa Agropecuária Oeste, participa ainda o pesquisador da Embrapa Cerrados (Sobradinho – Brasília/DF), Eder de Souza Martins, que vai enfocar o assunto “Uso de Re-mineralizadores na agricultura”.

 

Painel – O Painel “Intensificação e Integração na Agricultura”, será realizado na terça-feira, 15 de maio, também no auditório do Parque de Exposições, das 7h30 às 11h30. O evento voltado para professores, pesquisadores, técnicos, produtores e estudantes pretende reunir interessados em conhecer melhor as características de alguns sistemas produtivos regionais. O Painel contará com duas palestras seguido de debate.

 

A primeira palestra será proferida pelo pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste, Fernando Mendes Lamas, que vai falar sobre o “Efeito do Sistema de Produção sobre a Dinâmica de Plantas Daninhas”. Em seguida, haverá palestra ministrada pelo analista da Embrapa Agropecuária Oeste, Alexandre Dinnys Roese, que irá abordar o tema “Doenças de solo em Sistemas Integrados”.  Ele explica que algumas estratégias de manejo podem contribuir com a redução de doenças e exemplifica “a prática da Integração Lavoura Pecuária (ILP), que é uma estratégia de manejo capaz de contribuir com a redução do mofo branco e do tombamento de plantas, além de facilitar o controle biológico”.

 

O debate será moderado pelo professor da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Luiz Carlos Ferreira de Souza e contará com os seguintes debatedores: o Gerente Técnico do Departamento Agronômico da Cooperativa Agrícola Sul Matogrossense (Copasul-Naviraí/MS), Antônio José Meireles e o engenheiro agrônomo da Associação das Empresas de Assistência Técnica Rural de Mato Grosso do Sul (AASTEC-MS), Gilberto Darci Bernardi. O Painel é uma realização da Embrapa Agropecuária Oeste, em parceria com o Sindicato Rural de Dourados.

 

 

Piscicultura – A Embrapa Agropecuária Oeste também participará do Workshop para Piscicultores, que acontece na quarta-feira, 16 de maio, a partir das 7h30, no Tatersal do Parque de Exposições. Dentre as diversas atividades planejadas para o Workshop, acontecerão duas palestras ministradas pela equipe da Embrapa Agropecuária Oeste. Uma delas será sobre “Prevenção de doenças de inverno”, apresentada pelo pesquisador Luís Antonio Aoki Inoue. Em seguida, acontece a palestra sobre “Manejo de Peixes no inverno”, realizada pela pesquisadora Tarcila Silva.

 

Ovinos – Na quinta-feira, 17 de maio, a UFGD em parceria com o Sindicato Rural, realizam o 11º Simpósio de Ovinocultura. Nessa atividade que acontece das 7h30 às 11h30, no auditório do Parque de Exposições, entre diversas palestras previstas, destaca-se a “Produção de Cordeiros é Negócio – Panorama da Ovinocultura Nacional e Internacional” que será apresentada pelo pesquisador da Embrapa Caprinos e Ovinos (Sobral/CE), Fernando Alvarenga Reis, que também é o Coordenador da Câmara Setorial Consultiva de Ovinocaprinocultura de Mato Grosso do Sul.

 

Mandioca – No projeto Fazendinha, na Vitrine Tecnológica Hortifrúti Legal, realizada pela Famasul, SENAR MS, ATEG Hortifrúti Legal e Sindicato Rural de Dourados, estarão acontecendo inúmeras capacitações. Uma delas intitulada “Plantio e Manejo da Cultura da Mandioca”, ministrada pelo pesquisador e Chefe Adjunto de Transferência de Tecnologia da Embrapa Agropecuária Oeste, Auro Akio Otsubo, acontece na sexta-feira, 18 de maio, das 14h às 17h.

 

Sobre a Expoagro – Confira a programação completa da Expoagro, baixe o Guia de Bolso e se organize para participar. Clique aqui. A 54ª Expoagro é realizada pelo Sindicato Rural de Dourados em parceria com Daniel Freitas e João Paulo Paz, organizada pelo Grupo Sato e conta com o patrocínio da cervejaria Devassa, Governo de Mato Grosso do Sul, Prefeitura Municipal de Dourados, São Bento Incorporadora, Caixa, Senar/MS e Unigran. Conta ainda com o apoio do Sicredi e tem a parceria da Associação Comercial e Empresarial de Dourados (Aced), Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), Hotel Ibis e Hotel 10. A entrada é gratuita todos os dias, até às 18 horas. Nos dias de show, a cobrança será feita a partir desse horário e nos demais, a entrada será franca.