Maracaju deve gastar mais de 2.500,000,00 com merenda escolar

0
77

Assessoria de Imprensa/maracajunahora

Para atender os mais de 5 mil  alunos da rede municipal de ensino (escolas e Cieis)  com merenda escolar a previsão de gasto para o ano de 2017 é de   2.500,000,00   reais, deste valor o FNDE ( Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação),   tem uma estimativa de repasse de  600 mil anual o restante é pago com recursos próprios do município, 80% da merenda escolar e com recursos próprios.

Além disso, a instrução do FNDE é que os municípios gastem 30% do valor do repasse com Agricultura Familiar, ou seja; aproximadamente 180 mil reais.

Para dar um maior incentivo aos pequenos produtores de Maracaju e maior qualidade a merenda  o prefeito determinou um gasto maior com a Agricultura Familiar este ano a previsão é comprar meio milhão  em merenda escolar da Agricultura Familiar, segundo os produtores a aquisição destes produtos para a merenda escolar através do município é o que está mantendo o pequeno produtor no campo, e mudando a vida das comunidades para melhor.

Na manhã desta  terça feira (31)  aconteceu a licitação dos produtos da merenda escolar  com os pequenos produtores de  hortifrutigranjeiros.

Participaram da  licitação representantes  da Aprafama,  Assentamento Valinhos, Quilombo São Miguel,  Cooperativa Mista Agropecuária Coopverde. Sendo que Aprafarma ganhou licitação no valor de 145,390,00 reais, Valinhos 26.700,00 reais Quilombo 262.900,00 reais e Coopverde 53.450,00, são produtos da agricultura familiar que fazem parte da Merenda Escolar  do início do ano letivo até o final das aulas  no ano de 2017.