Maracaju se prepara para vacinação e combate a doenças como sarampo

0
223

Assessoria de Imprensa

O Médico Luiz Possi, Coordenador da Atenção Básica do Município, junto com a  diretoria do Rotary Club Maracaju estiveram  nas emissoras de rádio, alertando e convocando a população para a Campanha de Vacinação que deverá acontecer no mês de agosto, para combater algumas doenças erradicadas, mas  que voltam a preocupar os setores de saúde do país.

Sarampo, pólio, rubéola e difteria Doenças já erradicadas no Brasil voltaram a ser motivo de preocupação entre autoridades sanitárias e profissionais de saúde. Baixas coberturas vacinais, de acordo com o próprio Ministério da Saúde, acendem “uma luz vermelha” no país. No Amazonas e em Roraima, com o surto de sarampo, há cerca de 500 casos confirmados e mais de 1,5 mil em investigação.

No Mato Grosso do Sul e Maracaju não existe casos das doenças, mesmo assim a preocupação é grande e a prevenção é o melhor remédio, segundo Dr Luiz.  “ A grande quantidade de turistas, e a abertura para recebimento de imigrantes de outros países, são as causas principais para o reaparecimento de doenças como o sarampo por exemplo. Em parceria com o Rotary estaremos fazendo um campanha de orientação e principalmente de vacinação preferencialmente para crianças até 5 anos de idade”, disse Dr Luiz. Além disso, foi realizada uma reunião e palestra com os Agentes de Endemias e  Agentes de Saúde do Município, onde receberam informações da doença e da campanha.

São os agentes que estão em campo no dia  a dia, estão nas casas, e poderão estar dando sua contribuição falando das doenças e convencendo as mães a levar as crianças para vacinar, é de fundamental importância, precisamos deixar nossas crianças imunes, sem  que aja perigo de contrair a doença, concluiu  o médico.