Matéria: Funasa supervisiona obra de esgotamento sanitário em Maracaju

0
229

Superintendente da Suest/MS (à esquerda) e autoridades em visita às obras da ETE de Maracaju

Comunicação Social/SUEST-MS/FUNASA

O superintendente estadual da Funasa em Mato Grosso do Sul (Suest/MS), Marco Aurélio Santullo, visitou no último sábado, 30.09, as edificações da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Maracaju, município localizado na região sudoeste do estado e a 140 km da capital, Campo Grande.

Com financiamento na ordem de 90% do Governo Federal, por meio da Fundação Nacional de Saúde, num investimento na ordem de R$ 7.854.500,19, oriundo do convênio 171/2012, as obras foram iniciadas a cerca de dez meses e encontram-se em fases avançadas, beneficiando cerca de 7 mil residências, sendo ainda considerada uma das obras mais consideráveis em termos de projeto e execução no estado.

Esta ação que irá melhorar a qualidade de vida dos cidadãos maracajuenses também tem a contrapartida do governo do estadual, parceiro da Funasa e do município nessa empreitada.

Na ocasião, o superintendente estadual da Funasa em MS esteve acompanhado do Secretário de Governo de Maracaju, Frederico Felini, e do superintendente do Incra em MS, Humberto Cesar Mota Maciel, e na oportunidade discutiram sobre os assentamentos da região atendidos pelas instituições com investimentos do Governo Federal na área de saneamento.

Nessa nova fase de sua gestão, Marco Aurélio Santullo, está fazendo questão de vistoriar as obras que a Funasa está executando em Mato Grosso do Sul e avalia que “é uma inovação que estamos implantando na administração do órgão, estarmos presentes no desenvolvimento de cada obra financiada pela Fundação”. Segundo o superintendente, desde sua posse, todos os municípios atendidos por recursos e obras da Fundação no estado, estão sendo visitados para uma melhor interação com a comunidade e verificação do andamento de cada etapa do investimento.