Merenda Escolar com produtos da Agricultura Familiar teve licitação realizada nesta manhã

0
449

Assessoria de Imprensa

Na manhã desta quarta  feira(31), aconteceu o pregão para licitação da Merenda Escolar, produtos da Agricultura Familiar.

Participaram do pregão os representantes dos 40  pequenos agricultores inscritos no programa,  o presidente da Aprafama, presidente do Assentamento Valinhos, presidente do Quilombo São Miguel e presidente da   Cooperativa Mista Agropecuária Cooperverde.

Para este ano foram acrescentados no cardápio da merenda escolar mais sete produtos, abacaxi, rapadura, maracujá, poncã, espinafre, acelga e pimentão. Com  o aumento desses itens são mais de 20 produtos que fazem parte da merenda escolar que vem direto dos pequenos produtores.

Além disso, para o segundo semestre existe a previsão do frango caipira e leite, serem adquirido junto aos dos pequenos produtores.

Para 2018 está previsto   615.492,00 reais em compras de produtos para a merenda escolar, isso só do pequeno produtor.

O presidente do Quilombo São Miguel, Jorge Henrique, disse que depois do apoio que a  administração municipal tem dado aos agricultura famílias, e  colocando os produtos  no mercado consumidor, mudou a vida no Quilombo para melhor. Tanto é, que  as famílias que haviam deixado suas terras para sobreviver na cidade hoje estão de volta produzindo e feliz.

O presidente do Assentamento Valinhos, Fidel Castro Ibanez, disse que se não fosse essa ajuda, não sabia como seria a vida no assentamento. Desde que a administração passou a auxiliar a agricultura familiar, as coisas mudaram, tem gente reformando a casa, outros comprando móveis, agora dá gosto trabalhar você sabe que vai vender, e o que é melhor receber.

O Secretário de Fazenda Lenilso Carvalho, disse que vai continuar tudo igual, ou seja, produziu vendeu, tira a nota fiscal e  o dinheiro vai estar na conta do produtor. “ vocês não se preocupem em querer saber quando vamos receber, vai ser do mesmo jeito, isso é uma determinação do prefeito, tirou a nota empenhamos e pagamos, é só vocês olharem a conta”, disse o Secretário.

O Prefeito Maurílio Ferreira Azambuja  falou que sempre deu apoio ao pequeno produtor, pois sabe da importância que ele representa, e por isso, criou as feiras onde vão buscar os produtos e dão toda a assistência necessária, na merenda escolar a lei fala em 30%, nos aqui em Maracaju compramos bem acima fechamos 2017 com mais de 50%, isso tudo para valorizar cada vez mais a agricultura familiar. Disse Maurílio.

Também participou do pregão Ana Paula Botelho Souza Técnico em agropecuária da Agraer e Eloar Castelaci Diretor do Departamento Agropecuário Municipal.