Mulheres buscam apoio dos vereadores para Criar Delegacia da Mulher em Maracaju

0
747

Por Paulo Roberto Assessoria de Imprensa

Foi em um chá entre as mulheres que o assunto violência contra as mulheres foi a tônica, mesmo com a Lei Maria da Penha a violência não parou ou pior aumentou nos últimos anos, o crescimento do município contribuiu para o aumento da violência.

Da reunião surgiu a idéia da Delegacia Especializada da Mulher, um órgão específico para tratar das questões que envolvam mulheres.

A idéia contou com o apoio da OAB, ( Ordem dos Advogados do Brasil) Defensoria Publica e Conselho Municipal dos Direitos da Mulher.

Na manhã desta quarta-feira (14) na Sessão da Câmara de Vereadores, as mulheres representadas pela Promotora de Justiça Dra. Simone Almada Góes, Primeira-Dama Leila Gonçalves Azambuja e Presidente da OAB Nely Ratier Placência, levaram até os vereadores a reivindicação e pediram também o apoio da casa de leis para a implantação e efetivação de uma Delegacia Especializada no Atendimento da Mulher na cidade.

A Promotora de Justiça Simone Almada Góes destacou a importância da implantação da Delegacia da Mulher, causa esta que juntamente com outras mulheres da sociedade e conforme demanda da população tem buscado apoio em diversos órgãos. A promotora fez elogios a atuação das forças policiais, que atuam na cidade. Destacou a coragem esforço que exercem para dar tranqüilidade á comunidade.

Simone Almada destacou os números de 2017 para justificar a criação da delegacia “Temos números grandes de violência contra a mulher, sendo somente em 2017 cerca de 300 casos e nesse ano já são 60 casos registrados, isso sem contar que a nossa cidade está em crescimento.” Salientou a Promotora de Justiça.

Durante a sessão, os vereadores apoiaram publicamente a implantação da Delegacia da Mulher na cidade, destacando ainda que vão entrar em contato com deputados aliados e irão agendar reunião com o Governador Reinaldo Azambuja, afim de levar o assunto a frente, visando a efetivação desse projeto, que é uma demanda antiga da sociedade e que os números atuais reforçam ainda mais a importância do mesmo.

Para o presidente da Casa de Leis Helio Albarelo, mais uma demonstração de coragem, dessas guerreiras em busca de seus ideais que venha a ajudar a todas, e que elas podem sim, contar sempre com apoio dos vereadores, não só na conquista da delegacia da mulher, mais em todas as ações que beneficiem a sociedade e as mulheres.

Para a Primeira dama Leila Gonçalves Azambuja, essa ação, faz parte do mês de março mês símbolo da luta das mulheres. “ A criação da Delegacia é um passo importante para toda a nossa comunidade, e principalmente para as mulheres vítimas de violência, precisamos dar um fim, não podemos conviver com isso, é difícil para a mulher vítima expor suas intimidades para um policial homem, se for um atendimento de mulher para mulher e uma situação totalmente diferente os números mostram onde tem delegacia da mulher os números de violência contra a mulher diminuiu”, disse a Primeira Dama.

Por: Paulo Roberto