Polícia Civil de Maracaju prendeu autores de tentativa de homicídio e disparos de arma de fogo no Loteamento Alto das Palmeiras

0
930

Assecom Polícia Civil

Neste último domingo (dia 13/05/2018), o Setor de Investigações Gerais (SIG) prendeu em flagrante MAICON CARNEIRO SAMUEL (19 anos) e PATRIQUE CACERES DO CARMO (22 anos).

Conforme as investigações Patrique e Maicon estavam na companhia de outras pessoas ingerindo bebida alcoólica e ouvindo música quando Patrique se desentendeu com Joilson Thomaz Machado de Souza devido aquele ter cortejado sua esposa, razão pela qual Patrique pegou um revólver e efetuou dois disparos de arma de fogo para o alto.

Eloir Ignacio de Farias, cunhada da vítima, foi até Patrique e tomou a arma de fogo momento em que a vítima Fernanda Rejala, que estava na companhia dos autores, tentou tomar a arma de fogo de Eloir, momento em que a arma disparou e atingiu a barriga de Fernanda.

Neste instante, Maicon conseguiu recuperar o revólver e viu a vítima Joilson correndo para se esconder, instante em que efetuou pelo menos dois disparos com a arma de fogo e um dos projéteis atingiu as costas de Joilson.

A vítima Fernanda foi socorrida por seu marido Alisson Sanabria Martinez, porém ele parou o veículo em que estavam poucas quadras depois no meio da via e no instante em que desceu foi atropelado por Aline Ignacio de Farias que estava dirigindo um veículo Astra.

A equipe de policiais civis foi até a casa de Patrique onde ele foi preso e encontrado na posse de um coldre, porém o revólver foi encontrado na residência de Maicon.

Patrique foi indiciado pelos crimes de disparo de arma de fogo e porte ilegal de arma de fogo, tendo em vista informações de que ele é o proprietário da arma, enquanto Maicon foi indiciado por tentativa de homicídio qualificado.

Eloir está sendo investigada pela lesão provocada em Fernanda, enquanto Aline está sendo investigada pelo atropelando a Alisson, o qual sofreu ferimentos graves na perna. Ambas foram ouvidas e alegaram ausência de intenção em suas ações, porém responderão pelos crimes de lesão corporal.

Matéria reeditada, informações atualizadas pela Policia Civil