Showtec2024
DESTAQUESNOTÍCIAS

Cuidados com o carro que você deve tomar todo mês

Aline Matos

De acordo com os números do Relatório de Frota Circulante realizado pelo Sindipeças, somamos 44,8 milhões de automóveis circulando pelo Brasil em 2018, entre modelos seminovos e zero e zero quilômetro. Ainda segundo o estudo, a idade médias desses veículos é de 9 anos e seis meses.

Para muitas pessoas os carros representam verdadeiras paixões: uma conquista realizada com muito esforço e dedicação. Para outros, ele é apenas um meio de transporte necessário para facilitar o dia a dia.

O que é inegável é que em ambos os casos, todo carro precisa de cuidados e manutenção preventiva para evitar imprevistos e,  até prejuízos, que podem reduzir o seu valor na Tabela Fipe e prejudicar seu preço de revenda, além de impactar aspectos importantes em  caso de indenização do seguro automotivo.

Por isso, alguns cuidados simples que vão tomar apenas alguns minutos podem ser fundamentais para preservar a integridade do carro. Veja o check-list de cuidados importantes que devem ser tomados todos os meses e conserve bem a sua máquina.

Observe bem os pneus

Ninguém deve esperar os pneus ficarem carecas para prestar atenção neles. Aliás, circular com pneus em mau estado de conservação é uma infração grave (5 pontos na carteira) e a multa, além da multa de R$195,00.

Calibre sempre os pneus sempre que necessário e verifique se eles apresentam rachaduras ou desgaste irregular, que pode sinalizar um problema no alinhamento e balanceamento das rodas. Não se esqueça de verificar a integridade do estepe.

Cuide dos freios

Preste muita atenção ao nível do fluido dos freios e na integridade dos discos e das patilhas, que tendem a se desgastar naturalmente com o uso do veículo. Preste atenção na resposta da frenagem ao acionar o pedal. Se notar algum problema, leve o carro a um mecânico de confiança e não coloque a sua segurança e de seus passageiros em risco.

Lembre-se da correia dentada

Mesmo que esse componente precise ser substituído, em média, a cada 50.000 quilômetros rodados, ela precisa estar em perfeito estado para garantir o funcionamento do motor. Caso ela se desgaste precocemente e sem que você perceba, seu rompimento inesperado pode provocar danos sérios, como travamento de todo o motor e prejuízos consideráveis para seu reparo.

Muita atenção ao óleo do motor

Este composto químico é o responsável pela lubrificação adequada de diversas partes móveis que se atritam o tempo todo durante o funcionamento do veículo.  Não deixe de verificar a vareta do nível do óleo e também preste atenção à sua aparência e evite avarias no motor.

Dê sempre uma olhada no local onde o carro fica estacionado e verifique se não há manchas de óleo pelo chão, indicando um possível vazamento que deve ser consertado o quanto antes.

Abasteça o radiador

Para garantir a refrigeração e o bom funcionamento do motor, fique de olho no nível do reservatório do radiador. Não se esqueça de completá-lo com água e aditivo seguindo as recomendações do manual do fabricante. Evite o aquecimento do motor, ocorrência que eleva o consumo do combustível e compromete outros componentes importantes como a junta do cabeçote.

Verifique a bateria

Pelo menos uma vez ao mês analise o estado da bateria e seus cabos. Eles devem estar bem conectados aos polos e livres de resíduos.

Não descuide da limpeza

Em meio a correria, nem sempre é possível manter um carro reluzente, mas limpeza é fundamental para conservar seus revestimentos internos e também a integridade da lataria. A poeira acumulada facilita o surgimento de riscos que danificam a pintura.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo