CULTURA

Sindicato dos músicos agora é oficial em MS

Morgana Zhen também emprestou seu talento em “canja” na festa da criação do Sindicato dos Músicos do Mato Grosso do Sul (Foto : Elvio Lopes)

Mais de 500 profissionais compareceram no domingo passado, durante o dia todo, à Loja Maçônica XV de Novembro, no bairro Santo Amaro, na Capital, para participar da criação do Sindicato dos Músicos, Autores e Técnicos de Mato Grosso do Sul (Simatec-MS) e formar a comissão provisória que vai dirigir a entidade até a eleição para composição da nova diretoria.

 

Entre canjas (apresentações musicais), que começaram com Juci Ibanez, que está lançando em um mês seu mais recente trabalho, passando por novos nomes da música popular brasileira, do samba, regional e do sertanejo, o dia foi de muita confraternização, com a discussão do estatuto da entidade e sua aprovação pelos músicos, técnicos e autores da área.

 

O presidente do Conselho Municipal de Políticas Culturais, Angelo Arruda, desde o final da manhã no evento, afirmou que, entre as principais categorias da cultura sul-mato-grossense, os músicos precisavam da criação de seu Sindicato para regularizar os profissionais e garantir melhorias para a classe.

 

Segundo ele, os artesãos estão bem estruturados no Estado, com entidades que os representam para comercializarem seus produtos e exemplo disso são as exportações, feiras e exposições em que participam em vários estados e no exterior.

 

“Com os músicos, não é diferente, se apresentam país afora e no exterior, mas não tinham a mesma representatividade que vem com a criação do Sindicato”, afirmou Arruda.

 

Para ele, a principal finalidade do Sindicato é regularizar a profissão, garantir um padrão de qualidade dos profissionais nas apresentações, defender a categoria em shows e apresentações, oferecer apoio jurídico e orientações para garantir uma aposentadoria ou pensão no futuro.

 

“O músico, que faz parte de uma categoria volumosa e numerosa, trabalha durante anos, tem um piso mínimo, nem máximo e, ao chegar ao final de sua carreira, acaba não tendo apoio para uma aposentadoria, o que vai passar a contar agora, com a colaboração do Sindicato”, esclarece Angelo, oferecendo também o apoio do conselho para a criação da entidade.

 

A vereadora Luiza Ribeiro (PPS), participou da festa e foi muito lembrada pelos músicos presentes pelo apoio jurídico que seu gabinete proporcionou à criação do Sindicato e destacou a entidade como de grande importância para a carreira desses profissionais.

 

Jerry Espíndola, compositor, músico e cantor, que fez parte da comissão de elaboração do estatuto do Sindicato, disse que a festa de domingo consolidou a união da classe, que se mostrou interessada na criação do Sindicato e nos resultados que a entidade terá no trabalho com os músicos, técnicos e autores.

 

“Vamos continuar cadastrando os músicos, autores e técnicos no Estado para fortalecer ainda mais o Sindicato em todo o Mato Grosso do Sul”, promete Jerry, que contou com o apoio de seu irmão, Geraldo Espíndola durante a festa.

 

Outro integrante da comissão, Beko Santanegra, afirmou que a entidade está aberta aos profissionais de todo o Estado para que conheçam o estatuto do Sindicato, se cadastrem e façam parte do grupo que vai defender a categoria. “Ficamos felizes com as adesões que recebemos e vamos continuar trabalhando para fortalecer a classe”, ressaltou.

 

A cantora Cris Baptista, de Campo Grande, porém, residindo atualmente em Bonito, veio acompanhada da colega Morgana Zhen e, além da “canja” com muito talento, interpretando Música Popular Brasileira e bossa nova, enalteceram o apoio da cidade turística para a criação do Sindicato. Morgana, que representou a Secretaria de Cultura de Bonito, deixou claro o apoio do município ao projeto.

 

Informações sobre a criação do Sindicato dos Músicos, Autores e Técnicos de Mato Grosso do Sul (Simatec-MS), podem ser obtidas com Ana Cabral (9112-6191); Beko Santanegra (9612-6171); Carlos Lima (9682-1050) e Jerry Espíndola (9984-7914).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo