Professor de Corumbá recebe prêmio do MEC pela segunda vez

0
317

Corumbá foi representada na premiação “Professores do Brasil”, realizada pelo MEC (Ministério da Educação) com o projeto “Geo Ação”, de Jorge Luiz Samaniego Sambrana, professor de Geografia da escola municipal Pedro Paulo de Medeiros. A premiação aconteceu na manhã desta quinta-feira, 13 de dezembro, em Brasília, e contou com a participação de vencedores de vários estados do país.

O prêmio visa reconhecer o mérito de professores das redes públicas de ensino, pela contribuição dada para a melhoria da qualidade da educação básica, por meio de experiências pedagógicas bem-sucedidas, criativas e inovadoras. Este ano, registrou-se um número recorde de inscrições, ao todo, foram 2.609 trabalhos, um aumento de mais de 60 % em relação ao ano anterior, que contou com 1.617.

“Geo Ação” foi realizado entre os meses de março e novembro de 2011 e surgiu pela necessidade que o professor Jorge presenciou dos alunos com relação à disciplina Geografia. “Falo que o projeto é uma sequência didática ampliada, eu não foquei num único conteúdo de Geografia, mas peguei seus principais conceitos e trabalhei em cima deles com meus alunos porque percebi que eles tinham uma deficiência muito grande na disciplina, que ia impossibilitar minha caminhada com os alunos em relação aos conteúdos”, comentou.

O projeto realizado em várias etapas contou com diversas atividades que envolveram não apenas os alunos, mas também seus pais. A atividade que envolveu todas as turmas participantes do projeto (6º ao 9º anos do Ensino Fundamental) foi o Geo Ação Game.

“Peguei conteúdos e transformei numa gincana por séries; contou com participação dos pais que tiveram que estudar junto com as crianças para participar do momento e o resultado foi muito bom”, avaliou o professor Jorge que, em 2011, foi contemplado com o prêmio Professor por Excelência, realizado pela Prefeitura Municipal de Corumbá, com esse projeto.

Ele explica que além dos conteúdos da disciplina, buscou com o desenvolvimento do projeto atingir a formação de cidadãos. “Procurei trabalhar a formação do indivíduo como cidadão onde valores são muito importantes. Eles tiveram que realizar nessa gincana atividades que primassem pelas boas ações, trabalho voluntário”, comentou ao citar a arrecadação de alimentos para instituições filantrópicas, visitas a asilos, coleta de resíduos em pontos turísticos e arrecadação de brinquedos para uma igreja localizada na Bolívia.

“A gente percebe que o aluno muda, aqueles indisciplinados, depois que tem um contato com isso, eles parecem ter um choque e percebem que o caminho que seguiam não é o mais correto. A postura deles muda, e percebem o que realmente faz a diferença”, analisou.

O “Geo Ação” foi o vencedor na categoria séries/anos finais do ensino fundamental. Cada região do Brasil tem um representante em cada categoria. Este é a segunda vez que um projeto do professor Jorge é contemplado com o prêmio “Professores do Brasil”. Em 2009, ele recebeu a premiação com o projeto “Seu Olhar”.

Os professores responsáveis pelas experiências escolhidas pela comissão julgadora, independentemente de região e da classe de premiação, receberam R$ 7 mil (R$ 2 mil a mais do que o montante concedido no ano passado), além de troféu e certificados expedidos pelas instituições parceiras. Todas as escolas cujos professores foram premiados receberam também uma placa em homenagem ao trabalho classificado. Além da cerimônia de entrega dos troféus, os educadores participaram hoje, 14 de dezembro, do Seminário Professores do Brasil, que possibilita a troca de experiências entre os educadores de escolas públicas de diversas regiões do País.

Fonte: Diário Online