Maracaju 100 anos
DESTAQUESMARACAJU

Famílias da Associação Recicla Maracaju recebem cestas básicas doadas pelo MPE e parceiros

Mil cestas estão sendo entregues pelo Governo do Estado, Ministério Público de Mato Grosso do Sul e a iniciativa privada

A Associação de catadores de materiais recicláveis de Maracaju, Recicla Maracaju e os colaboradores da Unidade de Tratamento de Resíduos sólidos foram beneficiadas com cestas básicas doadas pelo Governo do Estado, Ministério Público de Mato Grosso do Sul e a iniciativa privada. A ação foi realizada através do MPE, por meio do Promotor de Justiça Luciano Furtado Loubet, Diretor do Núcleo do Meio Ambiente, em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (SEMAGRO), e o Grupo Recicla BR, doador das cestas básicas, que tem instalada no Município de Paranaíba-MS a empresa Latasa Reciclagem, cujo representante é o Supervisor Marco André Salim Vieira.

No total, mil cestas básicas serão entregues aos trabalhadores ligados a associações e cooperativas de catadores do Estado, já cadastrados pelo Ministério Público Estadual.

Em Maracaju, a ação foi acompanhada pelo Promotor de Justiça do Meio Ambiente, Dr. Estéfano Rocha, Dr. Clebson Marcondes, representando o departamento jurídico do município e a primeira dama Leila Gonçalves Azambuja. 29 famílias cadastradas no projeto Recicla receberam duas cestas cada.

A madrinha da Associação, primeira-dama Leila Gonçalves Azambuja, presente no ato da entrega, destacou a valorização dos profissionais nessa nova etapa da Associação. “Com muito esforço de todos os envolvidos nós conseguimos reformar e dar mais dignidade aos catadores de recicláveis. Além da renda que eles adquirem com o trabalho, também contribuem com um papel importante na manutenção do meio ambiente. Ficamos felizes em ver que cada vez mais pessoas estão colaborando com o projeto, como é o caso do Ministério Público Estadual e parceiros na doação dessas cestas que são muito bem-vindas nesse momento de pandemia que estamos vivendo”.

Representando o MPE, o Promotor de Justiça, Dr. Estéfano Rocha parabenizou o trabalho desenvolvido pelos profissionais da coleta e classificação de resíduos sólidos. “Esses profissionais estão de parabéns, pois estão contribuindo para a manutenção de um meio ambiente ecologicamente equilibrado”. O promotor destacou ainda que as cestas básicas vêm como forma de minimizar os impactos gerados pela pandemia do Covid-19.

 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo