Maracaju 100 anos
DESTAQUESGASTRONOMIAMARACAJU

Festa da Linguiça em Maracaju resgata tradição e é um sucesso

Osmar Silva, da Redação.

No último final de semana, Maracaju foi palco de um evento que resgatou não apenas a tradição culinária, mas também a história local. A tão aguardada Festa da Linguiça reuniu milhares de pessoas em torno de uma iguaria que remonta aos tempos antigos, quando a linguiça era preparada de maneira simples, mas extremamente saborosa.

O destaque da festa foi a maneira como a linguiça era originalmente preparada: assada em espetos de madeira e bambus, sobre uma valeta feita no chão. Essa técnica tradicional foi resgatada para proporcionar aos visitantes uma experiência autêntica, relembrando os tempos em que a simplicidade era a chave para a excelência gastronômica.

Ao longo do evento, os aromas tentadores da linguiça assada pairavam no ar, atraindo os paladares mais exigentes. Enquanto os visitantes ouviam boa musica e se reuniam próximo ao “buraco” para desfrutar das carnes e linguiça, histórias e memórias eram compartilhadas, criando um ambiente de camaradagem e nostalgia, tudo, claro, registrado nas câmeras de celulares e compartilhados em redes sociais, bem como, com a cobertura da imprensa de todo o estado.

Além da culinária, a Festa da Linguiça também ofereceu uma variedade de atrações, dentre elas os shows de Maria Cecília e Rodolfo, Grupo Tradição, Trio Parada Dura e Guilherme e Benuto.

Na supertenda do Rotary Club de Maracaju, de demais parceiros, vários artistas partciparam deixando a festa ainda mais bonita e divertida.

A comunidade se uniu para celebrar suas raízes e promover o turismo regional, destacando Maracaju como um destino gastronômico imperdível, uma vez que o evento agora foi declarado Patrimônio Imaterial do estado, e entra para a Rota Turística do Estado e do país.

Para os organizadores e participantes, o sucesso da Festa da Linguiça vai muito além dos números de público. É a celebração de uma tradição que resistiu ao tempo, preservando não apenas um prato delicioso, mas também a identidade e a história de uma comunidade. E, à medida que os visitantes se despediam do evento com o sabor da linguiça ainda fresco em suas memórias, fica claro que essa festa que já chegou a sua 28ª edição, é mais do que uma simples celebração culinária – é um tributo à riqueza cultural e gastronômica de Maracaju.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo