NOTÍCIAS

Tufão atinge Filipinas com rajadas de 315 km/h e deixa três mortos

Três pessoas morreram e outras sete ficaram feridas nesta sexta-feira na passagem do tufão Haiyan pelas Filipinas, anunciou o governo.

Duas pessoas foram eletrocutadas por linhas destruídas pelo ciclone. O terceiro morto foi vítima de um raio, segundo Reynaldo Balido, porta-voz da agência de gestão de catástrofes naturais.

O tufão Haiyan, anunciado como o ciclone mais violento do ano, começou a atingir as Filipinas na manhã desta sexta-feira, provocando inundações e destruindo edifícios em regiões do centro do arquipélago.

Haiyan tocou terra na cidade costeira de Guiuan às 4h40, hora local (18h40 de quinta-feira, horário de Brasília), com ventos de até 315 k/h.

A força do vento converte o Haiyan em um dos ciclones mais fortes registrados no mundo e no mais potente a tocar terra “da História”, segundo Jeff Masters, diretor de meteorologia do Weather Underground, baseado nos Estados Unidos.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo