Anvisa suspende a venda de lotes de pomada e anticoncepcional

A Anvisa (Agência de Vigilânci Sanitária) determinou que a partir desta quarta-feira (4), está proibida a fabricação, distribuição, divulgação e comercialização do remédio Reumatex devido à falta de registro.
A resolução foi publicada no Diário Oficial da União, e determina a apreensão do medicamento após constatação de que o remédio era fabricado e comercializado irregularmente, já que não possui registro.
A pomada anti-inflamatória trazia na embalagem o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica vinculado a uma empresa, que alega não ter ligação com a fabricação do mesmo, e registro no Ministério da Saúde com outro número de medicamento.
Outro medicamento que teve a distribuição suspensa pela Anvisa foi o anticoncepcional injetável Contracep. A medida foi tomada após um corpo estranho ter sido encontrado em uma ampola do medicamento. Todo o lote 601530.1 com validade até 1/16 terá que ser recolhido.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here